Volkswagen jetta 2010 – 2014

Compacto
A Volkswagen apresentou a sexta geração do Jetta/Bora/Vento em 2010 e tentou convencer
os clientes de que era um sedã compacto esportivo com quatro portas.
Como seus antecessores, o Jetta/Bora/Vento foi nomeado de acordo com as preferências dos
clientes, dependendo do mercado. Compartilhava sua plataforma com o VW Golf VI e
ostentava suspensão independente em todos os cantos. Mas não era um verdadeiro sedã
esportivo, como o Passat CC. Era apenas algo mais do que um Golf com um porta-malas na
parte de trás.
Do lado de fora, os faróis do tipo Passat com linhas nítidas e design estreito e angular
mostraram mais personalidade do que seu irmão Golf. Sua estufa era mais longa e ostentava
um para-brisa traseiro inclinado. Assim como seus antecessores, a linha de cintura ascendente
começava nos faróis e subia até as lanternas traseiras.
Por ter sido construído em uma versão mais longa da plataforma do Golf, por dentro oferecia
mais espaço para os passageiros traseiros. A montadora instalou aberturas na parte de trás do
console central, então havia ar-condicionado para os ocupantes do banco traseiro também. A
Volkswagen considerou que instalar um encosto do banco traseiro rebatível seria uma boa
ideia para quem precisasse de um. Na frente, o Jetta veio bem equipado com uma unidade de
infoentretenimento instalada no console central.
Sob o capô, a Volkswagen instalou uma ampla variedade de motores, desde um TSI de 1,2 litro
turboalimentado até um TSI de 2,0 litros de 200 cv. Em 2014, a Volkswagen preparou uma
versão reestilizada que levou à demissão do motor naturalmente aspirado de 2,5 litros. Barigui encontrar concessionarias da volksvagem em curitiba

Leave a Reply

Your email address will not be published.